Novidades‎ > ‎

Deliberações da Assembleia de 04 de setembro

postado em 5 de set de 2012 00:53 por Usuário desconhecido   [ 5 de set de 2012 01:10 atualizado‎(s)‎ ]
A assembleia da Apes JF realizada no dia 04 de setembro de 2012, às 14 horas, na sua sede, contou com a presença de 186 docentes e deliberou pelo seguinte:
  • Indicar ao Comando Nacional de Greve a suspensão unificada da greve para o dia 12 de setembro de 2012 - aprovado por ampla maioria, com 04 abstenções.
  • Realização de assembleia geral da Apes JF no dia 10 de setembro, segunda-feira, às 14 horas, em local a ser definido, para avaliar a situação nacional - aprovado por ampla maioria, com 02 abstenções.
  • Referendar encaminhamentos do Comando Nacional de Greve expressos no Comunicado Especial de 02 de setembro de 2012 conforme transcrito abaixo - aprovado por ampla maioria, com 02 abstenções.
  • Participar nas manifestações locais do Grito dos Excluídos no dia 07 de setembro - aprovado por ampla maioria, com 02 abstenções.
  • Moção de Repúdio à Administração Superior da Universidade Federal do Maranhão (vide abaixo) - aprovado por ampla maioria, com 13 abstenções.
 
Assembleia da Apes JF em 04 de setembro de 2012 - Momento de aprovação dos encaminhamentos

Encaminhamentos do Comando Nacional de Greve (conforme Comunicado Especial do CNG de 02 de setembro de 2012, vide arquivo anexo):

  1. Continuidade da greve.
  2. Que as assembléias gerais pautem o debate sobre a suspensão unificada da greve nacional. Em caso de posicionamento favorável, que indiquem o marco temporal para a suspensão unificada.
  3. Que as assembléias gerais pautem a análise do PL4368/2012 e proponham elementos para definição das estratégias de ação frente à sua tramitação no Congresso Nacional.
  4. Insistir no pedido de audiência com o Ministro de Educação.
  5. Manter a realização de atos públicos pela reabertura de negociação.
  6. Intensificar  a  disputa  com  as  reitorias  em  torno  do  atendimento  das  pautas  locais  e  a  reversão  da precarização das condições de trabalho.
  7. Articular  com  o  SINASEFE  atuação  conjunta  no  Congresso  Nacional  em  defesa  de  nossa  pauta  de reivindicação  relativa  à  carreira  docente,  a  partir  das  estratégias  de  ação  frente  à  tramitação  do  PL 4368/2012 (vide arquivo anexo) definidas pela categoria, bem como ações conjuntas.
  8. Propor ao SINASEFE e a FASUBRA a elaboração de um documento conjunto cujo eixo seja a valorização do  trabalho  do  servidor  docente  e  TAE,  defesa  da  carreira  e  das  instituições públicas,  definindo  ações conjuntas.
  9. Indicar  para os CLG/AG  que  organizem  a  participação  unificada  do  movimento  docente  no  Grito  dos Excluídos, nesta semana, construindo uma coluna da educação.

Moção de Repúdio à Administração Superior da Universidade Federal do Maranhão

Os professores e professoras da UFJF e do IF Sudeste MG, reunidos em assembleia geral no dia 04 de setembro, repudiam veementemente a atitude da Administração Superior da Universidade Federal do Maranhão que substituiu a direção do Colégio Universitário, bem como as Coordenações Setoriais, para tentar impor o retorno dos professores e professoras, num claro desrespeito ao direito de greve, à autonomia do Colégio Universitário e à democracia interna na instituição.

A Assembleia Geral da APESJF se solidariza com os professores e professoras do Colégio Universitário da UFMA e solicita imediata revogação da substituição da direção e das demais coordenações bem como a revogação das medidas em favor de novas eleições, garantindo a todos e todas as condições efetivas de trabalho e tranquilidade para o momento delicado em que todos passamos em função da greve.

Ċ
Usuário desconhecido,
5 de set de 2012 01:09
Ċ
Usuário desconhecido,
5 de set de 2012 01:09
Ċ
Usuário desconhecido,
5 de set de 2012 01:09